3/28/2010

Jesus que um dia Nasceste



Jesus que um dia nasceste
Com uma única vontade
Amar e ser amado
Salvando a humanidade
Cresceste amando os outros
A todos ensinando o amor
Nem todos compreenderam
E continuam causando a dor
Só olham para o seu irmão
Nesta quadra de festa
Esquecendo-se deles
Em todo o tempo que resta
E é só nesta altura
Ao celebrar teu nascimento
Que alguns se lembram dos outros
Apenas por algum momento.
Mas o aniversário é teu
Por isso pede uma prenda
Exige deles SENHOR
Que nos outros vejam teu rosto
E façam de todos os dias
O grande dia do AMOR


(António Costa )

3/19/2010

PAI




Coração cheio de saudades
Mas ainda carregado de amor
Por ti querido Pai
Que foste meu progenitor
Saudades do amor que davas
Da palavra amiga constante
Do carinho que emanavas
Desse teu coração Gigante
Foste Pai companheiro amigo
Com tua presença constante
Desbravando o caminho
Comigo foste caminhante
Tu me ensinaste a amar
Com teu exemplo de amor
Me mostraste que o objectivo
É seguir Jesus O Senhor
Ser honesto humilde sincero
Aos outros dar a mão
Sem esperar recompensa
Apesar de já teres partido
E enquanto minha alma não vai
Continuo a sentir a tua presença
E por isso hoje dia de S. José
Te digo
Obrigado PAI

António Costa
Luzeiro Santa Maria

3/05/2010

Ajudar é Preciso



Nunca tantos precisaram de tanto
Nunca tanto foi tão pouco
Nunca tantos dependeram
Um pouco dos que tanto tem
O muito que deles sobra
É pouco mas é tanto
Para quem de tanto precisa
E que tão pouco nos cobra
E com pouco se contenta
Até o vento e sua brisa
Sabem do quanto precisa
Aquele que nada tem
É tempo de não parar
É tempo de estar atento
Ouvir o que diz o vento
Que novas traz dos que sofrem
Que nos desperta os sentidos
Nos mostra a realidade
Dos muitos que nada tem
E do muito que precisam
Apenas um pouco os fará felizes
Do muito que outros tem
É tempo de não calar
Solidariedade é actuar
É tempo de Ajudar

António Costa